quarta-feira, 16 de maio de 2007

Uma coisa é uma coisa, outra coisa...

Algumas coisas precisam ser ditas. Ou melhor: eu, particularmente, sinto a necessidade de dizer certas coisas, às vezes. O que vem a dar exatamente no mesmo. De qualquer forma, esse espaço é para isso. Para as coisas que não cabem entre eu e o travesseiro. Juízos de valor (com e sem fundamento), incongruências (coerência é coisa de gente medíocre), opiniões, idéias. O que penso sobre livros, filmes, discos, seriados, reportagens e da nobre e trágica condição humana. As literatices e literaturas ficam no Metâmeros, meu filhote atualizado sempre que a musa antiga canta. E é isso aí.

Nenhum comentário: